Artigos

« Voltar para artigos
Quando eu o vejo...

Quando eu o vejo...

17 de Dezembro de 2016 | Por Letícia Pedrosa

Meu organismo está vivendo um paradoxo; em movimento luz meu sangue chega até o coração, meus batimentos ultrapassam a 100bt. Ao mesmo tempo meu cérebro não consegue realizar nenhuma sinapse, as pernas bambeiam, meus níveis de serotonina e endorfina aumentam

O que está havendo? Não estou sabendo lidar com essa situação, permaneço estática enquanto meu maxilo se expande e as pupilas se dilatam. Meu cérebro não sabe identificar o que está ocorrendo, algo vem em minha direção, esse algo na verdade, é alguém, que provoca todas essas reações em meu corpo. Alguém que me faz muito bem.

A sua presença excessiva me causa um bem enorme, amo te ver, amo saber que vou viver para sempre com você. Nunca imaginei que Deus poderia colocar um enorme amor dentro de nós por alguém, hoje eu não só sinto mas eu vivo isso.

Comente este Artigo